Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Gato Branco às Riscas

Um blog normal sem nada de especial de uma sonhadora inconformada.

06
Set17

Eu e as arrumações!

Paula Ribeiro Santos

Desde o inicio da minha gravidez foi complicado manter-me quieta (às vezes sinto que tenho pilhas).

Primeiro foi a mudança de casa, depois, toda uma lida doméstica que alguém tem que fazer (se não, não há quem possa viver aqui).

Confesso que relativamente às mudanças poucos esforços fiz, o máximo que fazia era baixar-me para apanhar ou guardar algo... embalar alguns objetos e abrir alguns caixotes. A minha grande sorte foi mesmo o meu namorado... aliás correção... "Anjo"... ele fez praticamente tudo e quando digo praticamente tudo, é mesmo TUDO!

Tratou das burocracias, do contrato de arrendamento, das ativações, das instalações, das mudanças, do transporte das nossas tralhas... Carregou as mobílias novas para o carro, depois para casa e ainda as montou... Instalou candeeiros, TV´s na parede, colocou calhas para estores, cortinados...etc, etc, etc... e eu?

Eu frustrei!

Eu não sou assim, de ficar a olhar parada enquanto os outros suam sozinhos e por isso senti-me totalmente inútil. Não foram raras as vezes em que dei por mim a chorar por perceber de que o máximo que poderia fazer era mesmo organizar louça nos armários e roupas nos roupeiros e cómodas.

Enfim... se algum dia decidirem ter filhos e mudar de casa, 1º mudem de casa e depois engravidem. Ok?

Não se lembrem de aos 4 meses de gravidez decidir fazer tudo para ontem, pois, ou tem um bom suporte de amigos e família que vos auxilia nesta situação, ou então estão tão ou mais tramadas do que eu.

Lembrem-se: gravidez e mudanças, não combinam.

Hoje e após o Afonso ter nascido, a minha falta de capacidade para estar quietinha mantém-se.

Não, a minha casa não é gigante.

Não, não recebo visitas todos os dias (e somos só três +1).

Não, a casa até nem está desarrumada que assim o justifique, porém... é algo que me faz comichão... eu preciso de olhar para a casa e ver tudo nos sítios, sentir o cheiro de uma casa limpa, de um chão desinfetado, de uma casa de banho sem marcas e pelos... e por isso não consigo estar parada.

Antes de o Afonso nascer, toda gente me dizia: "se estás em stress agora, imagina quando o bebe nascer, não vais ter tempo para nada"...

Conclusão: o Afonso felizmente é um bebé muito tranquilo e tenho tempo para tudo. Ok, não consigo fazer as tarefas com a mesma velocidade que antigamente e muito menos consigo fazer o que quer que seja sem interrupções, porém, tudo é feito e os meus medos não se confirmaram.

A Blogger

1.jpg

 

Paula Ribeiro Santos, 34 anos, mãe do Afonso, assoberbada de felicidade sou autora do Gato Branco às Riscas um blog normal sem nada de especial de uma sonhadora inconformada. Sejam bem vindos, sintam-se em casa.

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Instagram

Pinterest

Calendário

Setembro 2017

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930

Onde me encontrar

Copyrighted.com Registered & Protected 
5YTC-V5PL-ACY1-OMCW